Profissão Relações Públicas e suas Áreas de Atuação

Muitas pessoas não conhecem as Relações Públicas ou não fazem ideia do que ela se trata. Porém, isto não é raro visto que o próprio termo “Relações Públicas” suscita dúvidas, já que se trata de uma palavra com vários significados: atividade profissional, campo, curso superior. Surgem, então, questionamentos como: o que faz um profissional de Relações Públicas? Qual o mercado das Relações Públicas?

Atuação do profissional de relações públicas

Em resumo, o profissional de Relações Públicas realiza o relacionamento com os públicos estratégicos de uma organização: os colaboradores (interno), os clientes, imprensa, governo (externo), acionistas e fornecedores (misto). Por meio de estratégias de comunicação e planejamento, o profissional pensa e aplica ferramentas para construir a imagem de uma marca e transmiti la da melhor maneira ao público. Para isso, é claro, é preciso entender os seus públicos, por isso, na formação de RP, se estuda muito as humanidades: psicologia, antropologia, ética a fim de compreender a mente do consumidor, quais as prováveis reações. Veja o guia de cursos de Relações Públicas no Brasil. Dessa maneira, aliando esses conhecimentos aos métodos de pesquisa também aprendidos na formação, é possível quantificar e qualificar os relacionamentos para propor melhorias e novas estratégias.

Salário e carga horária média da profissão de Relações Públicas

De acordo com os dados salariais de Janeiro a Julho de 2020 segundo pesquisa do Portal Salário junto ao Novo CAGED, eSocial e Empregador Web que analisou os dados de salários de 2.079 profissionais no cargo e dados oficiais do mercado de trabalho para a profissão, foi constatado que a carga horária de trabalho semanal média é de 42 horas e o salário médio bruto mensal calculado de acordo com informações salariais de admitidos e desligados pelo mercado de trabalho é R$ 3.859,69. A faixa salarial do Relações Públicas fica entre R$ 2.724,39, que é a mediana da pesquisa e o teto salarial que é R$ 9.493,04.

Quais são as principais áreas do campo de atuação das Relações Públicas?

1. Eventos

Nos bastidores dos eventos há uma complexa organização. Nesse caso, o profissional deve possuir olhar estratégico sobre as necessidades da organização, estabelecendo qual o tipo de evento, planejando cronogramas, propondo meios de divulgação. Por isso, a formação em RP é um diferencial: o profissional saberá planejar o evento para os públicos específicos, utilizando os veículos de comunicação direcionados para eles e trará um retorno maior para a organização

2. Assessoria de imprensa

 Trata-se de estabelecer e manter relacionamentos entre organizações ou pessoas com a mídia, criando credibilidade. Segundo Neka Machado, professora da Escola de Comunicação Artes e Design da PUCRS, o profissional trabalhará com a elaboração de press releases, que contenham notícias da organização e que sejam de interesse público, para divulgá-los no momento adequado e para mais de um veículo de comunicação.

3. Cerimonial e protocolo

O cerimonialista deve ser imparcial e responsável, segundo profissionais da área como Aristides Germani, cerimonialista de governos gaúchos há 30 anos,  o cerimonial tem, dentre suas funções o planejamento de: discurso, lugares de honra, hinos, placas comemorativas,, filas de cumprimentos, visita de delegações, visita de autoridades, jantares e almoços;

4. Gestão de crise

Quando um avião cai, pessoas são contaminadas por um produto, celulares explodem, as empresas sofrem crises, isto é, perdem credibilidade e entram em risco de falência. No entanto, organizações bem preparadas contam com profissionais capazes de gerenciar crises, eles interagem com diversos setores, públicos dentro e fora da organização, esclarecendo as falhas cometidas, evitando causar impactos negativos e tentando contornar a situação.

5. Diplomacia corporativa

Nesse caso, o profissional é responsável por representar os interesses de uma empresa perante, outras empresas ou governos no exterior.

6. Digital

O trabalho de Relações Públicas Digitais se articula com o Marketing Digital. Nesse caso, o RP auxilia no gerenciamento e monitoramento das mídias sociais para a construção de um bom relacionamento com os  públicos estratégicos. Dessa forma, considerando a importância do planejamento e da formulação de estratégias para essa função, a formação em Relações Públicas se torna um diferencial.

Tendo em vista que, atualmente, a imagem e as informações das organizações são cada vez mais acessíveis para os públicos, pode-se dizer que as Relações Públicas tendem a ser mais buscadas e valorizadas. Ademais, esta é uma formação que oferece um grande campo de trabalho com muitas oportunidades. Dessa maneira, existe um mercado de trabalho promissor para esta carreira, por isso, é de se colocar na lista de opções de graduação no caso de identificação com as características e funções.