Produção Parada? Saiba os Principais Motivos e Como Evitar

A produção parada em uma indústria é uma verdadeira dor de cabeça e pode gerar diversos problemas. Por isso, saiba os principais motivos e como evitá-la!

Nas indústrias quando a linha de produção, por algum motivo, é interrompida, acaba ocasionando a chamada “produção parada” e existem certos fatores que geram isso.

E quando uma produção parada não é ocasionada de maneira intencional (por excesso de estoque ou falta de demanda, por exemplo), acaba gerando uma grande dor de cabeça.

Por isso, no artigo de hoje você irá conferir os principais motivos de uma produção parada e como evitar isso.

Produção parada

Principais problemas:

  • Atraso de pedidos;
  • Falta de estoque;
  • Geração de gargalos;
  • Baixa produtividade.

Principais motivos:

Problema nas máquinas e nos equipamentos

O primeiro motivo é um dos mais óbvios, mas precisa ser dito. Os equipamentos e as máquinas podem sofrer problemas e, como consequência disso, a produção é parada dependendo da gravidade da situação.

Por exemplo, os filtros hidráulicos estão funcionando adequadamente em seu sistema? Precisam de limpeza? Manutenção? É importante ficar atento a esses aspectos para evitar problemas.

E, basicamente, existem dois tipos problemas. O primeiro é de ajuste, ou seja, é preciso apenas recalibrar/ajustar a máquina para continuar funcionando da maneira correta, já o segundo é o mais grave, ou seja, quando uma máquina quebra, por exemplo, e assim o seu funcionamento é interrompido totalmente.

Erro humano

Inadequação de perfis profissionais operando equipamentos/máquinas complexas e deficiência de treinamento são dois dos principais fatores que podem propiciar em uma parada na produção. 

Ociosidade

Outro motivo para produção parada é a ociosidade, podendo ser exemplificada por: 

  • Falta de material: ou seja, a produção para, pois precisa esperar o reabastecimento de materiais;
  • Não conformidades: ou seja, se o processo e o equipamento não estão alcançando o nível de qualidade exigido;
  • Falta de operadores: ou seja, a produção é parada devido ao fato de não ter operadores disponíveis para manejar uma máquina.

Setup do equipamento

Quando o setup (configuração/preparação) de um equipamento é feito, também há uma parada na produção. 

Ainda nesse tópico, a questão da limpeza e manutenção regular também pode ser incluída.

Exemplos: parametrização das máquinas para a produção e troca de cor em uma gráfica.

Acidente de trabalho

O acidente de trabalho, além de gerar custos elevados para uma empresa, também ocasiona em uma produção parada.

E as indústrias que têm índices altos de acidentes e não aumentam a segurança no trabalho, acabam tendo longos períodos com uma produção parada.

Por isso, reduzir os riscos e investir em segurança é essencial.

Causa externa

Por fim, a causa externa. Nesse caso, podem ser exemplos: falta de água/energia, falta de demanda e equipamento reservado para testes de mudanças na produção.

Então, como evitar?

  • Mantenha as manutenções em dia (corretiva, preditiva e preventiva);
  • Defina as causas e registre as paradas de máquina;
  • Priorize os equipamentos gargalos;
  • Treine e capacite sua equipe;
  • Defina um indicador de máquina parada.

Gostou deste conteúdo? Fique atento para não deixar este problema acontecer na sua empresa.