Melhores negócios para investir no delivery: saiba quais são os pratos mais pedidos

Se você pretende abrir um restaurante, é importante saber quais são os melhores negócios para investir no delivery. Afinal, hoje em dia, aplicativos como o Rappi Delivery, iFood ou Uber Eats representam boa parte do faturamento de estabelecimentos alimentícios.

Na verdade, de acordo com a Abrasel, o setor de delivery movimenta R$11 bilhões por ano no Brasil inteiro.

Para alguns restaurantes, inclusive, é mais vantajoso investir apenas no delivery do que tentar atender fisicamente. São as chamadas dark kitchens, que funcionam apenas em aplicativos.

No entanto, se você quer entrar nessa área, é importante saber quais são os pratos mais pedidos e os melhores negócios para investir no delivery. Quer aprender? Então siga a leitura!

1. Pizza é um dos pratos mais populares do Brasil

A pizza é um prato extremamente popular no Brasil. Por dia, nosso país consome mais de 1 milhão de pizzas. É muita coisa.

Não é à toa, claro, que esse é um dos pratos mais populares dos aplicativos também.

No entanto, é importante ter em mente que cada pessoa costuma ter a sua pizzaria favorita. Por isso, é essencial investir em ingredientes de boa qualidade para conquistar os clientes nos aplicativos.

As pizzas mais comuns costumam ter maior demanda (calabresa, mussarela e portuguesa), mas pizzas um pouco mais exóticas (de chocolate, de brócolis ou de abacaxi) contam com menos competição nos apps.

2. Hambúrguer é um dos melhores negócios para investir no delivery

Ao lado das pizzas, os lanches de hambúrguer estão entre os melhores negócios para investir no delivery. Isso porque são os mercados com maior demanda nos apps.

Assim como acontece com as pizzarias, as hamburguerias precisam investir muito na qualidade do serviço para poder angariar consumidores fidelizados.

É importante não só ter um lanche de qualidade, mas também oferecer negócios em conta para o consumidor.

Talvez o preço do lanche pode continuar ao redor de R$35,00, mas é importante tentar obter um acordo com fornecedores para oferecer batata-frita ou refrigerante no combo, por exemplo.

3. Esfiha é um dos pratos mais comuns em aplicativos

O Brasil é um país com forte colônias árabes. Há grande número de imigrantes e descendentes de imigrantes em várias cidades do Brasil, especialmente em São Paulo.

Por isso, há grande influência da culinária árabe nos hábitos gastronômicos brasileiros. Prova disso é o fato que as esfihas estão entre os pratos mais pedidos nos aplicativos.

Elas também são servidas em diversos sabores e tamanhos, o que faz com que sejam ideais para quem está em grupo de amigos.

4. Comida japonesa se tornou muito popular no Brasil

A comida japonesa aumentou bastante de popularidade no Brasil no últimos anos. Isso faz com que pratos como o sushi ou o temaki tenham enorme demanda nos aplicativos.

No entanto, essa é também uma ótima oportunidade para quem conhece mais dos pratos japoneses e quer abrir um restaurante. Afinal, há espaço para popularizar outras comidas que são mais parecidas com a nossa, como o okonomiyaki, o katsudon e e ramen.

Basta saber como conservar o calor desses pratos para a entrega via delivery e abrir um restaurante de comida tradicional japonesa nos aplicativos.

5. Comida tradicional para marmitas também é muito popular

Normalmente, nós pensamos em pedidos nos aplicativos como refeições especiais. Uma pizza com os amigos, um lanche na sexta-feira, uma comida japonesa para um encontro romântico em casa.

No entanto, os aplicativos apresentam várias oportunidades de negócio para os estabelecimentos gastronômicos no Brasil. Por exemplo, servir marmitas para quem está no trabalho.

Com um bom preço, a comida tradicional brasileira (o arroz, feijão e um complemento) pode ser uma excelente fonte de renda para os restaurantes, já que são opções mais interessantes para as pessoas do que levar uma marmita ou comer em um restaurante próximo do trabalho.

No entanto, é importante manter a comida generosa, saborosa e com um preço justo. Afinal, a ideia é que o consumidor seja cliente todos os dias úteis. Se o preço for muito alto, pode ficar caro demais no fim do mês.

6. Comida saudável é uma preocupação para quem cuida da saúde

Muitas pessoas querem cuidar melhor da saúde e isso envolve uma alimentação mais saudável. No entanto, não são todos que sabem como cozinhar melhor e que tipo de refeição comer para ser mais saudável.

Por isso, há uma demanda enorme de gente que procura por comidas de poucas calorias, com muitos nutrientes e que ajude a se manter mais saudável, mas não sabe como fazer isso.

Para os restaurantes, essa é uma ótima oportunidade para fechar negócios e vender mais pelos aplicativos.

No entanto, é essencial ter uma nutricionista ou nutróloga na equipe do restaurante para garantir que aqueles pratos são realmente nutritivos, pouco calóricos e saborosos.

E aí, aprendeu quais são os melhores negócios para investir no delivery? Qual desses é o mais viável para você? Conte pra gente nos comentários abaixo!