Como definir o público-alvo do seu consultório

Definir o seu público-alvo é o primeiro passo para acertar a sua estratégia de Marketing e conquistar muitos pacientes para o seu consultório! Quer saber como fazer isso? Acompanhe agora o passo a passo.

Público-alvo é um dos principais pilares para que um negócio tenha sucesso e consiga se firmar em seu mercado de atuação.

Até porque quando o assunto é captação de pacientes, por exemplo, achismos não servem e é preciso se comunicar de forma assertiva com aqueles que têm o perfil ideal.

Em uma definição simples, o público-alvo é o grupo de pessoas com características semelhantes e que podem ter interesses similares por um negócio, determinado produto ou serviço.

Sendo assim, sua definição é fundamental para criar uma estratégia efetiva de Marketing e aumentar as vendas, sem tiros no escuro e trabalhando com dados precisos.

Além de tudo isso, vale dizer que público-alvo é o estudo base para conseguir clientes e não significa vendas diretamente.

Enfim, quer saber como definir o público-alvo do seu consultório de modo preciso? Continue a leitura deste conteúdo e acompanhe o passo a passo.

Quais informações utilizar?

Se você quer ter assertividade na criação de uma estratégia trabalhar com dados é fundamental!

Além disso a definição de objetivos deve ser precisa, seja para vender procedimentos como lente de contato de dente, clareamento ou qualquer outro.

Em relação ao consultório, seu público envolve pessoas de diferentes idades e gêneros, desde crianças até idosos. Por isso, a definição do público deve ser pensada com base em alguns critérios.

No geral, o conceito de público-alvo abrange as seguintes informações para criar um perfil com características semelhantes:

  • Faixa etária;
  • Gênero;
  • Classe social;
  • Localização;
  • Hábitos.

A definição do público-alvo sempre irá trabalhar em cima desses dados, independente do negócio e produto que é vendido e sua área de atuação.

Público-alvo na prática

Suponha que você está traçando uma estratégia para captar pessoas que possam ter interesse em colocar lentes nos dentes.

Diante disso, mesmo com um público diverso, algumas informações úteis a serem usadas em sua criação são:

Faixa etária de 30 a 40 anos, homens e mulheres; classe média; moradores do bairro onde é o consultório e que costumam cuidar da aparência.

Note que a ideia aqui não descobrir quem irá comprar o serviço, mas sim o grupo de pessoas com interesses parecidos a quem se deseja atingir de alguma forma.

Ok, agora você já sabe o que é público-alvo, mas como definir na prática?

1 – Conheça seu mercado

Conhecer o seu mercado e o produto que você vende é fundamental na definição do seu público-alvo!

Para isso, estude seus concorrentes, como eles se posicionam no mercado, qual é o perfil dos clientes deles, qual é a abordagem em relação às vendas e por aí vai.

Ter conhecimento sobre a concorrência te dá uma visão diferenciada e ajuda e evitar erros, vendo o que funciona ou não dentro do segmento.

Com essa informações é possível otimizar o seu serviço e principalmente definir o público-alvo de modo assertivo.

2 – Use a tecnologia

Como você viu acima, todas as informações para definir o público-alvo do seu consultório virão a partir de dados precisos e nunca de suposições.

Portanto, uma boa dica para obter esses tais dados é estudar os canais de comunicação e como eles envolvem o seu segmento.

Você pode por exemplo pesquisar em plataformas de palavras-chave o volume de busca para lente de contato dental, monitorar redes sociais e principalmente ficar por dentro do Google Trends.

O Google Trends é uma ferramenta gratuita que permite o acompanhamento do volume de busca dos termos, assuntos e palavras mais buscados no momento.

Assim, você já consegue ter uma ideia sobre o que seu público busca.

3 – Faça pesquisas de satisfação

Esteja sempre aberto aos seus pacientes e estimule o feedback por parte deles!

Para isso, abra caixas de sugestão e realize pesquisas de satisfação a fim de descobrir o que seu público espera de você, o que pode ser melhorado e o que deve ser mantido dentro do consultório.

Perguntas simples como: “de 0 a 10 qual a chance de você recomendar o serviço a alguém?” já servem como base para saber o que pode ser feito para melhorar.

Entrevistar seus pacientes com frequência é fundamental para que você conheça melhor o seu público e chegue até a sua persona, que é o perfil de cliente ideal para o seu negócio.

O estudo e a definição do público-alvo é muito importante para qualquer empresa, e com consultórios não é diferente. Esse é o primeiro passo para agir assertivamente e ter destaque no mercado.

Este conteúdo foi produzido por Vue Odonto, uma clínica especializada em implante dental.