5 passos para aplicar o Data Driven em sua empresa

O data driven é uma ferramenta muito útil para as empresas que investem em marketing digital.

Aliás, esse tipo tem se tornado a principal ferramenta em marketing para as marcas, visto o importante papel da internet na vida dos consumidores.

A qualidade e a quantidade de dados do marketing digital são seguidas por um grande aumento das tecnologias de produção e automação.

Por conta disso, agora é possível personalizar os aspectos da experiência em marketing.

Por meio do data driven, é possível que as empresas obtenham as informações e as tendências por meio de uma análise de dados. Esses dados são gerados pelas empresas ou pelo próprio mercado, o que transforma as ideias em decisões.

Dessa forma, é possível tomar decisões assertivas no que diz respeito ao marketing digital, por meio da análise desses dados.

Saber tomar uma decisão assertiva quando o assunto são os investimentos em marketing digital é muito importante. Afinal, é por meio dessas decisões que as empresas conseguem atingir o público certo e crescer no mercado.

Neste artigo, nós vamos falar sobre o que é data driven, sua importância para as empresas e como ele funciona. Confira.

O que é data driven?

Data driven é uma estratégia que visa, por meio de análise de dados, melhorar as ações de marketing. Essa melhoria tem como foco as mudanças e as demandas provenientes do público-consumidor.

Isso permite alavancar dados para ter uma visão mais profunda dos desejos e reais necessidades dos consumidores.

Isso é possível a partir do momento em que as empresas entendem quem, o quê, onde, por que e quando aplicar as suas estratégias de marketing. Dessa maneira, as marcas se tornam mais capazes para tomarem as melhores decisões.

O uso do data driven traz diversos benefícios para as empresas. Isso inclui não apenas mais eficácia para as estratégias de marketing, como também facilita sua implementação.

Isso só é possível graças a ferramentas que ajudam no processo de análise. De um modo geral, podemos citar alguns benefícios, como:

  • Melhor segmentação dos consumidores;
  • Conteúdos mais relevantes;
  • Realização de testes;
  • Melhora a experiência do cliente.

O uso do data driven é possível para todos os tipos de empresa, como no caso de uma fabricante de cocho para gado. O uso do data driven por essa empresa poderá ajudá-la a melhorar a segmentação do seu público.

É possível saber, por exemplo, quem está envolvido em suas ações de marketing, o canal que possibilita esse envolvimento e em quais horários eles estão mais ativos.

Enviar conteúdo de qualidade para esse público-alvo é um dos objetivos mais importantes do marketing digital. Sendo assim, por conta da concorrência do mercado, os conteúdos criados podem ser personalizados de acordo com o perfil do público-alvo.

Dessa maneira, supondo que uma empresa fabricante de bobina de papelão ondulado, ao utilizar o data driven, consegue identificar o que realmente é relevante para o seu público.

Os testes A/B também podem ser realizados por meio do data driven. Esses testes mudam apenas uma variável, para avaliar aquele que gerou mais resultados.

Isso evita “achismos” e suposições em relação ao que realmente funciona ou não. Os testes eliminam as suposições e permitem tomadas de decisões mais assertivas e vitais para a marca.

Isso diminui consideravelmente as chances de as decisões resultarem em falhas que impactarão negativamente no futuro.

A experiência do cliente em relação a uma marca também é importante. Com o data driven, um escritório de arquitetura de muro de contenção projeto pode otimizar a experiência de seus clientes.

Ao notar uma alta taxa de rejeição ou conversão muito baixa, é possível ajustar as estratégias, de acordo com as necessidades, para que o cliente tenha a melhor experiência.

Agora que você já sabe o que é o data driven, é preciso que você compreenda um pouco mais sobre sua importância.

Importância do data driven

Retomando o significado de data driven para entender sua importância, trata-se de uma mentalidade comercial que utiliza inteligência dos dados para aproveitar brechas do mercado.

Para atingir esse objetivo, essa estratégia responde a perguntas como:

  • Qual o perfil do público-alvo?
  • Quais os diferenciais da empresa?
  • Onde a abordagem é mais eficaz com meu cliente?
  • Que tipo de consumidor compraria meus serviços?
  • Quais empresas têm potencial para parcerias?

Analisando essas perguntas, fica clara a importância do uso do data driven para as empresas.

Todas as ações de marketing são embasadas em dados que apresentam maiores chances de efetividade. Dessa maneira, uma empresa fabricante de bomba centrífuga inox conduz suas campanhas em marketing digital para o público certo. 

A principal ideia é agir de acordo com as informações e os dados levantados. Isso significa que a marca não se deixará levar por modismos e abordagens subjetivas.

Isso ajuda a estruturas os processos, fazer as modificações necessárias e disponibilizando as campanhas para que seja possível atingir o que se deseja.

No que diz respeito aos investimentos em marketing digital, por meio da coleta de dados do data driven uma empresa economiza recursos, pois emprega-os de maneira certeira.

Uma empresa de consultoria SGI, por exemplo, ao usar esse recurso, identifica situações em que suas campanhas não são satisfatórias e fazer as modificações necessárias.

Essas modificações levam a empresa a trabalhar em cima de conteúdos mais assertivos, o que impacta positivamente tanto o público quanto os seus investimentos em marketing digital.

Esse tipo de marketing por si só já se estabelece em cima de campanhas mais assertivas, com o data driven todas as brechas são exploradas, otimizando os recursos de marketing digital e tornando-o mais eficiente.

Consequentemente, o retorno sobre investimentos tão sofre um impacto positivo. A marca não corre o risco de investir em campanhas que não trarão resultados.

Todos os investimentos feitos em marketing digital trarão retornos mais positivos, evitando gastos excessivos com campanhas que não impactam o público-alvo.

Mas, para obter todos esses benefícios, as empresas precisam saber como usá-lo da maneira correta.

Como usar o data driven?

Existem diversas maneiras para aplicar o data driven em uma empresa. Por exemplo, uma empresa que trabalhe compainel de LED venda, pode usar esse recurso para atuar em conjunto com a inteligência artificial.

Atualmente, ainda são poucas as empresas que trabalham com IA, mas em um futuro próximo essa estratégia estará mais presente.

Com o data driven é possível a criação de campanhas muito mais eficientes. Isso porque será voltada para personalização e hipersegmentação de clientes.

O marketing baseado em pessoas também é uma maneira de aplicar o data driven. Por conta de uma larga escala de coleta de dados, as campanhas são otimizadas com conteúdos mais precisos, evitando o desperdício e melhorando o ROI.

Com as mudanças trazidas pela era digital, existem diversas plataformas que são utilizadas pelos clientes, e eles esperam que as empresas façam a mesma coisa.

Por meio de canais de visão cruzados, uma empresa que faça projeto de drenagem de águas pluviais consegue identificar os rastros deixados pelos clientes.

Esses rastros podem estar nas redes sociais, em buscas realizadas e as plataformas utilizadas.

Isso permite que a empresa esteja presente em todos os canais onde estão os seus consumidores ideais.

Outra aplicação muito eficiente do data driven é na análise preditiva. Essa análise consiste em situações que aconteceram no passado, para que as decisões tomadas para o futuro sejam as melhores.

Com a análise preditiva, é possível ter uma visão geral do mercado em períodos diferentes, possibilitando atitudes menos arriscadas. Isso faz com que qualquer empresa, como uma de instalação de calhas, esteja preparada para qualquer cenário.

Com tantas opções de aplicação, o uso do data driven traz benefícios diversos para as empresas, tais como:

  • Criação de marketing personalizado;
  • Experiência personalizada para os clientes;
  • Melhor desenvolvimento dos produtos;
  • Redução de custos.

O data driven permite a criação da mensagem ideal para o cliente ideal, o que garante maior eficiência de suas campanhas.

Quando a empresa investe em personalização, o cliente tem uma percepção melhorada dela e isso impacta positivamente nele.

Os produtos passam a ser fabricados e os serviços realizados de acordo com as expectativas e necessidades dos consumidores. Ou seja, as falhas são facilmente identificadas e os produtos melhorados.

Quando a marca entende o seu perfil de consumidor, passa a produzir as campanhas de marketing que são realmente ideais para ele. Além disso, passa a fazer uso de mídias que realmente dão retorno, minimizando os custos.

O data driven traz muitos benefícios para as empresas, para que estas ganhem espaço no mercado e a atenção de seus clientes em potencial. É assertividade do marketing digital unida à inteligência da coleta de dados.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.